Os tempos em que o contador apenas fazia cálculos, transmitia guias e alertava sobre prazos já ficaram pra trás há muito tempo. As transformações no setor contábil e no mercado possibilitaram uma reinvenção no trabalho do contador, abrindo novas possibilidades para esse profissional.

Uma dessas possibilidades que vem ganhando muita força no setor é a consultoria contábil. Essa forma de executar os serviços é bem mais próxima do gestor da empresa, e tem sido muito procurada por empreendedores de diversas áreas.

O que é Consultoria Contábil ?

Em resumo, a Consultoria é nada mais que utilizar informações contábeis para oferecer opções estratégicas para o gestor

Isso quer dizer, basicamente, que oferecer serviços de consultoria passa pelo trabalho contábil comum, mas é no passo seguinte que a consultoria se diferencia desse trabalho.

Uma boa forma de entender isso é usar o exemplo da medicina. Um enfermeiro é capaz de observar o paciente e preencher seu quadro, mas é a interpretação desse quadro, feita pelo médico, que baseará as medidas a serem tomadas para a melhoria do paciente.

O que eu preciso para começar?

Para quem já é contador, começar a oferecer o serviço de consultoria requer alguns passos importantes. A consultoria é muito mais que responder as dúvidas do cliente, mas ajudar a pensar estrategicamente, considerando os dados da contabilidade.

Para prestar esse serviço, você pode começar com os clientes que você já atende. Separamos abaixo algumas dicas pra você que deseja começar a atender como consultor:

1 – Refine sua análise e interpretação dos dados

Como já dissemos, o consultor contábil age perto do gestor como se fosse o médico da empresa, usando seu conhecimento para indicar tomadas de decisão.

Para isso, é preciso sempre melhorar a habilidade de interpretação e análise dos dados de contabilidade. 

Isso significa aprender a identificar possibilidades de insolvência financeira ou mesmo de falência de uma empresa, bem como aprender a identificar possibilidades de crescimento – tudo isso com base nos dados obtidos no dia a dia contábil.

2 – Aprenda a mostrar o valor da consultoria

A Consultoria é muito vantajosa para os gestores, mas eles ainda não sabem disso. Por isso, parte da sua função será conscientizar seu cliente da importância desse trabalho para o crescimento da empresa.

Existem muitas formas de fazer isso, como usar a internet para produzir conteúdos sobre o tema, ou oferecer sessões grátis de consultoria no início.

3 – Mantenha-se atualizado

Estar atualizado no mundo da contabilidade é muito importante para a consultoria contábil, mas não é o suficiente. 

Para que a consultoria seja efetiva, você deve estudar sobre gestão empresarial  e financeira, além de governança, recursos humanos e mercado, tudo isso da forma mais atualizada possível. 

Para isso é preciso ter fontes confiáveis de informação, além de dedicar um tempo diário, se possível, apenas para estudo desses elementos. Quanto mais informações atualizadas você tiver, mais completo será o seu serviço de consultoria.

4 – Conte com a ajuda de um sistema contábil de confiança

É claro que executar todos esses passos requer bastante tempo e energia do contador, e é por isso que um sistema contábil pode ser bastante útil nesse momento.

Com um bom sistema contábil você pode automatizar sua rotina e simplificar a emissão de documentos e guias. Assim, você terá tempo para estudar e aplicar cada vez mais a consultoria contábil para seus clientes.

Que tal começar agora? Com o Sistema RTA você descomplica sua rotina de uma forma fácil, com armazenamento altamente seguro na nuvem, e pode encontrar novas possibilidades de oferecer seus serviços.

Faça o teste grátis por 15 dias, sem cartão de crédito! Clique aqui e comece agora.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.